ESCREVER É DIVINO!

ESCREVER É DIVINO!
BONS TEMPOS EM QUE A GENTE PODIA VOAR. ERA MUITO BOM SER PASSARINHO.

CAMINHOS DE UM POETA

CAMINHOS DE UM POETA
Como é bom, rejuvenescedor e incentivador para o poeta, poder olhar para trás e ver toda a sua caminhada literária, lembrar das dificuldades, dos incentivos e da falta deles, da solidão de ser poeta e do diferencial que é ser poeta. Olhar para trás e ver tudo que semeou, ver uma estrada florida de poesias, e dizer: VALEU A PENA! O poeta vai vivendo, ponteando, oscilando, e nem se dá conta da bela estrada que escreveu. Talvez ele não tenha tempo porque o horizonte o chama, e o seu norte é... escrever... escrever... escrever. Olho hoje para trás... não foi fácil, mas também ninguém disse que seria. E eu sabia que não seria, ser poeta não é fácil, embora seja lindo. Contemplo a estrada que eu fiz, e digo com orgulho quase narcisista: Puxa... como é linda minha estrada!

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

PROESIAS!


A vida me disse:
Vá e faça arte!...
Na dúvida eu fiz bagunça e poesia.
O menino e o poeta vivem de brincadeiras e poesia
porque a vida está em toda parte,
as duas me dão alegria;
que delas, eu não me aparte!
Um, dois, três...
Vamos mais uma vez...
É assim que a vida faz, é assim que a vida sempre fez,
tudo muda num segundo.
Na carrapeta do dia a dia
rimando ou destoando
em perigosas e divertidas piruetas que a vida deu;
Tudo enfim é poesia.
De olhos fechados no carrossel.
Na palma da mão, um balão chamado mundo,
um pião chamado EU,
um dom que vem do céu.
Versos e brincadeiras embalam meus dias,
meus sonhos, minhas certezas, minhas alegrias.
Eu faço PROESIAS...
Proezas e poesias.
=
( imagem dreamstime.com )

11 comentários:

✿ chica disse...

Que lindo e desejo que tu continues a fazer as proesias...Gosto sempre muito delas! abração,chica

Cidália Ferreira disse...

Olá carlos! Tão bonito. Parabéns. Amei!

Beijos e uma excelente noite

Ivone disse...

Que lindo, sim, um dom rico que o poeta tem, tanto poetizando quanto proseando, daí meu amigo, colocastes bem "proesias"!
Adoro prosear e se possível poetizar as sensações que a vida me traz, bem sabes como isso é em nossas almas, piscianos sabem muito bem ouvir a alma!
Amei e sempre amarei te ler, amei sua visita e seu comentário lá no meu espaço!
Abraços apertados!

Diná Fernandes O.Souza disse...

Bom dia!
Um bpnito poema,o poeta brinca com as palavras, viver o lúdico é eternizar a criança, e criança faz bonito!
tens o dom da palavra e nos presenteia com essa linda obra de arte.
Tenha um bom dia Carlos!

Bjs no core!

Gil António disse...

Bom dia. Gostei muito deste seu blogue. Amei a poesia que escreve. Voltarei
.
Deixo cumprimentos poéticos
.

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Uma graça e adorei esse "proesias",só um poeta como você consegue fazê-las tão bem.
Bjs Carlos e obrigada pela visita.
Carmen Lúcia.

Valéria disse...

E como são adoráveis as suas "proesias" !!!!
Beijos, meu bom e querido amigo Poeta,
Valéria

Isa Martins disse...

E como é bom poetar, viajar nas letras, brincar com as rimas.
O dom de escrever é mesmo Divino, porque desnuda nossa alma e encanta corações!
Boas festas meu amigo, abraços

Mulher na Polícia disse...

Eita!!!

Quanta postagem nova que ainda não li.

: )

Oba!!!!

© Piedade Araújo Sol disse...

Carlos

um poema alegre e divertido, e você deve continuar as suas proesias

ou melhor dizendo, as suas poesias e as suas prosas

um bom fim de semana.

beijinhos

:)

LUCONI MARCIA MARIA disse...

Ah Carlos que proesia mais deliciosa de se ler, sabe você sempre faz um belo trabalho, não importando o tema, assim é o verdadeiro poeta, bjos